quinta-feira, 9 de outubro de 2014

Reforço

*
Eu me enfeito
Um lenço
Um momento
Um chamego
E assim eu me entrego
Sem medo
No melhor emprego
Da mente em repouso
Eu me aquieto
E que todo o meu sossego
Possa ter amparo
Meu eu abrigo
Mas sem apego
Com carinho
E me faço agrado
Um afago
Com desvelo
Pois meu melhor trato
É ser da vida bastante grato
E assim o melhor recebo
Tudo de que tenho direito
Pois sei que muito mereço
Eu me esforço
Me equilibro
Me reforço
(Eneida Freire)
02/10/2014
*

Nenhum comentário: