segunda-feira, 24 de junho de 2013

Quem Vive a Criticar

*
Quem vive a criticar
Quem gosta de alfinetar
Não se atém a se importar
Com seu próprio bem estar
Quem vive a criticar
Não se deixa analisar
Pois só fica a censurar
Sem de si próprio cuidar
Quem vive a criticar
Não se permite examinar
Talvez por medo do que encontrar
Talvez por receio de se encontrar
Quem vive a criticar 
Não se vê especial
Quem vive a criticar
Não sabe que a si mesmo faz mal
(Eneida Freire)
17/06/2013
*

segunda-feira, 17 de junho de 2013

Água

*
Meu nome agora é agora é água
Que limpa
Que purifica
Que hidrata
Meu nome agora é água
Que fortalece
Que é fortaleza
Que não me deixa fraca
Meu nome agora é água
Que lava
Que demarca
Água que limpa
Que não estraga
Não cobtamina
Só cuida
Só ensina
A caminhada
Auxilia
Faz-se necessária
Meu nome agora é água
Branca
Pura
Que empurra
Que caminha forte
Mas que pode ser suave
Meu nome agora é água
(Eneida Freire)
10/06/2013
*