quarta-feira, 19 de setembro de 2012

Alternâncias


*
Alternâncias
Entre o bem e o mal
O temporal e o atemporal
Entre o noturno e o matinal
Alternâncias
Entre a bondade e a saudade
Entre o dormir e o acordar
Para com a realidade lidar
Alternâncias
Entre a música e a não-música
Entre a lógica e a discórdia
Fazendo a vida compassar
Alternâncias
Entre dissonâncias
Bonanças
Alianças
Mudanças
Lembranças
E por aí vai...
(Eneida Freire)
18/07/2011
*

7 comentários:

Everson Russo disse...

E a vida é assim,,,um vai e vem,,,temos que conhecer todas as nuances....beijos e uma bela noite pra ti amiga.

Renata Diniz disse...

Eneida. A impressão que fica é que todos saem ganhando nessa vida paradoxal. Principalmente, o prazer de ler aqui. Beijos!

Giancarlo disse...

buona domenica...ciao

RaeAbigael disse...

I love it :)
visit my blog too? http://raellarina.blogspot.com/
xoxo.

Jorge Ampuero disse...

Caminos que nos pone la vida misma para seguir. Logrado poema.

Besos ;-)

Orvalho do Céu disse...

Olá, querida Eneida
Alternância entre bondade e saudade... estou assim...
Bjs de paz

Orvalho do Céu disse...

Olá, querida Eneida
Um mundo de possibilidades a gente vai visualizando...
Bjs de paz e bem