sexta-feira, 27 de maio de 2011

À Mostra

*
Estamos à mostra
Sempre
Independentemente da proposta
Começar a se gostar
Quanto antes
Melhor começar
Ter-se-ia aproveitado mais
Se soubesse temperar os sais
Não se pode salgar
Nem adoçar demais
À mostra
Difícil acertar no tempero
Cada um tem seu exagero!
Quem é que não precisa de mais uma demão?
Quando se está à mostra, em exposição?
Necessitamos nos atentar
E por aí vai
E não se abstrai
Cuidar da moda saúde
Cuidar da moda amiúde
Cuidar dos sentidos
E do que estamos vestidos
Autenticidade
Sua legitimidade
Em consciência
O que está à mostra
Em evidência
(Eneida Freire)
09/12/2010
*

2 comentários:

Le Tre Amiche disse...

Que lindo!! Gostei!! Parabéns!

Bjinhos
Nadia

letreamiche.blogspot.com

Eneida disse...

Le,
obrigada!
Beijo!