segunda-feira, 30 de agosto de 2010

Sono

*
Com sono a gente não pensa
E se forçar estressa
E é segunda-feira
Devemos fazer tudo depressa
E a cabeça não acompanha
Fica estranha
Muito sono
É um desconsolo
Atividades ficam suspensas
Parece que a sensibilidade acompanha
E fazemos campanha
Para o trabalho executar
Mas nada conseguimos
Nem mesmo escutar
A voz na nossa cabeça
Que fica sem destreza
Numa moleza
Eu gosto da consciência
Que pra cabeça dá leveza
*
30/08/2010

domingo, 29 de agosto de 2010

Esse Dia

*
Dia de sol e vento
E que em algum momento
Saio do centro
Fico dispersa
Numa ordem reversa
Sinto-me perversa
Não me deixo controversa
Aponto para o positivo
Algo intuitivo
Nunca destrutivo
Esse dia é assim
Bom pra mim
*
29/08/2010