domingo, 23 de maio de 2010

O Tempo Virou

*
O tempo virou
Na semana que passou
Esfriou
A nova estação, enfim, chegou
Instabilizou
Ainda não se firmou
Mas o calor intenso acabou
Os ventos mudam
A direção das coisas se alteram
Viram páginas
Põem as coisas do avesso
Mostram um novo começo
O tempo virou
Mas a gente se esforçou
Volveu
Bebeu
Mas entornou
Contornou
O tempo virou
Mas, na verdade, tudo ficou
Tudo continuou
Porque o amor pela vida
Uma coisa atrevida
Nunca se findou
O tempo virou
Mas tudo continuou
Aguardar os tempos
De nada adiantou
A revolução do tempo
Por um momento
Mais uma vez se faz
Mais uma vez audaz
Coloca-se em marcha
Não ficamos em baixa
Faz-nos perceber
Sem retroceder
Que somos o futuro
A revolução que se faz
O tempo?
Virou
Revolucionou
*
11/04/2010

Nenhum comentário: