terça-feira, 20 de abril de 2010

Histórias

*
Histórias
Memórias
Vitórias
Aprendemos
Princípio, meio e fim
Consolo pra mim
História da vida
Nada nítida
As situações são muitas
As conclusões, algumas
Somos personagens
Histórias da vida
Miragens
Contracenando com muitos
Muitos de nós
As mesmas circunstâncias
As mesmas importâncias
Histórias norteadoras
Algumas orientadoras
Algumas se repetem
Outras são recriadas
Muito poucas são realmente criadas
O que vemos
Em sua maioria
São histórias que se repetem
Fatos que se invertem
Evoluímos pouco, então?
Busco sempre uma progressão
Uma lógica
Verdadeira mágica
Nem sempre permitida
Nem sempre passível de ser desvendada
As histórias
As verdades
São mistérios
São fotografias de circunstâncias
Mesmo em distâncias
Os acontecimentos nos moldam
Moldamos os acontecimentos
Conforme nossa personalidade
Nossa identidade
Pensar em histórias de vida
Não é prendermo-nos ao passado
Procurando o princípio, o meio e o fim
Como razão de tudo
Mas encararmos nossa realidade
Com muita dignidade
Como um novo começo hoje
Prazeroso e satisfatório
Que iremos continuar
E tecer mais amanhã
*
12/04/2010

Nenhum comentário: