domingo, 14 de março de 2010

Simples e Casual

*
Domingo
Que de tudo distingo
Simples
Casual
Conversas casuais
Coisas usuais
Têm o seu charme
E que tudo desarme
Porque são simples
Ampliemos os canais de comunicação
Aumentemos nossa expressão
Estejamos abertos à imaginação
Novos caminhos
Muitos carinhos
Elementos homogêneos
Harmônicos
Para que o simples
Se faça agradável
Tornar-se estável
Pois o simples
Pode ser brilhante
Caminho da sabedoria
Traçado com maestria
Simples
É o que não é complicado
Que não tem afetação
Que tem espontaneidade
Subterfúgio da casualidade
Deixar correr
De forma fortuita
Gratuita
Ao acaso
Tenhamos sabedoria
Que a nossa vida brilhe
Da forma mais simples possível
Mas sem simplificarmos nada
Aproveitando de forma contundente
De todos os momentos e detalhes
De todo o momento presente
Para que o simples e o casual
Sejam de todo usual
*
14/03/2010

Nenhum comentário: